segunda-feira, 9 de maio de 2011

E nós choramos...

No fim de semana fomos para Livramento(minha cidade), para passar o dia das mães...
Mas na sexta-feira Davi acordou chorando pelo Vô e nós ja estavamos com hotel reservado em gramado.
Resumindo... cancelamos gramado e fomos para livramento.
Chagamos sabado ao meio dia, e voltamos domingo após o meio dia...foi bem corrido, mas o Davi se divertiu tantoooooooooo, ele nem  lembrava de mim nem do pai dele... fomos um pouquinho em cada casa, e ele aproveitou muitoooooooo.
No domingo teve o almoço do dia das mães la na casa da minha mãe, foi todo mundooooooo.
E na hora d voltar para casa... ai ai ai ai ai
Davi começou a chorar a chorar chorar e dizia
não quero ir embora, não querooooooo
quero ficar na casa da vovó

aaaaaaaaaaaaaaa cortou o coração de todo mundoooooooo
minha mãe nem foi ate o portão dar tchau
Davi chorou, eu chorei e muitos se esconderam para chorar..

E agora o Davi ja sente falta da familia, dos avós , dos primos e tios....
E agora? temos o direito de escolher morar longe?
E agora???????????????

Meu coração ta apertado
E meu bebe que ja é um mocinhoooooo, nem é tão anti social assim,  ele só não tem gente por perto para amar e ser amado....

aiaiaiaiaiaiai

Agora to com uma laringite daquelasssssss
Com o coração apertado
E a cabeça cheia de pensamentos....

8 comentários:

Eliane disse...

Meus olhos encheram de lágrimas ao ler seu post. Aqui com meu pequeno também vivo isso. Minha familia mora no interior. Quando a saudade bate, ele começa a pedir insistentemente para irmos a casa da vovó. Quando chegamos lá, ele fica igual pinto no lixo, e todos os dias acorda dizendo que não quer ir embora. E na hora de voltarmos é um chororô só. Também fico de coração partido com essa situação!
Tomara que aos poucos eles consigam aprender a conviver com a distância e a saudade!
Um beijão para vocês,
Eliane e André

Jackie disse...

Haja coração heim amiga ... eu moro perto da minha familia e da familia do meu marido, e ainda assim temos que nos esforçar pro Davi conviver com a familia do pai tbm, estive pensando em me mudar pra capital por que aqui os salarios são baixos na minha profissão, mas acho que eles sequestram meu filho antes de eu terminar a frase kkkkkkkkkkkkkkkk

terrivel isso ..... mas vcs tem que pensar no custo x beneficio dessa distancia, se perto da familia o Davi for ter mais companhia , mas financeiramente ( em relação a alimentação, estudo, espote, saúde....) uma qualidade de vida muito menor, com o tempo ele vai aprender a administrar a saudade, assim como nós temos que fazer, quando deixamos nossos bebês e saimos pra trabalhar e estudar , pq no fim é sempre pro bem deles....

bjussssssssssssss e melhoras ..

Minha Filha Minha Vida disse...

Qui triste, deste jeito não tem coração de mãe que aguente !!!!

beijoss

Brunna disse...

Oi, adorei seu blog. Seu filho é lindo! Parabéns.
Venha conhecer minha filhinha tb, vamos adorar recebê-la.
Beijos, Kaká.

Janna disse...

Dani, passa lá no blog, tem um selinho pra vc!!! Bjus...

Genis disse...

Aqui já moramos todos perto, um vucovuco danado! rsrsrs
Bjs.

rainha disse...

hoooo do!
fiquei com pena agora!
é tao bom ter familia!
hooooo!

Prô Cris Chabes disse...

Que anjo é seu filho Dani
Ele recebeu de Deus a missão de alegrar o vovô e o choro dele foi a forma de falar com vc e seu marido.
Deus usou seu filho para falar com a família toda
Grandes abraços neste anjinho.
Grandes bençãos na tua familia
Beijocas enormes em vc
Cris Chabes

 
Design by Layout para Blog