segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Davi o mini tirano

socorroooooooooooooooo preciso de ajuda urgenteeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

Davi se transformou em um tiraninho, me sinto uma boba, sem saber como agir, sem ter base no que me apoiar....   como uma mulher de 25 anos não consegue com a vida de um bebe d 1 ano e 5 meses... jesussssss interna essa mulher....

Mas ele chora por tudooooooooooo, não pode ouvir um não que berraaaaaaaaaaaaaa, se joga no chão, faz escandalo, joga os brinquedos ou o que estiver na sua frente, tenta nos bater, e acaba se machucando pois se bate a cabeça, se joga no chão...

genteeeeeeeeeeeeeeeeeeeee, mas o q é isso??????

sempre fui bem mais rigida que meu marido, meu marido acha um absurdo dar uma palmada no davi, nem no cachorro ele conseguiu ate hoje dar uma palmada....
sempre achei q quem manda na casa são os pais e não um pirralinho de 1 ano... mas aqui a  coisa ta feiaaaaa.

toda vez q repreendia o davi a casa caia, ele chorava e o pai dele me criticava... simmmmmmmm... isso foi acontecendo tanto e decidi parar tudo e fazer como o willians quer, sem palmadas, sem repreenções , pois estava me achando uma bruxaaaaaaaaaaaa malvada com meu proprio filho..

e agora, o que aconteceu??????

ele não obedece a ninguemmmmmmmmmmm, não tem medo , nem respeito por nada nem ninguem...
domina a situação, e comanda a casa como um tirano...

marido X mulher = brigamos o tempo todooooooooooo, não concordamos em nada
vejo meu filhinho lindo principe encantado, se transformando numa criança mimada, chata, e cheia das  vontades.... sem limitessssssssss

e eu ???????????? a mãe besta

afffffffffffffffffffffffffff

to muito decepcionada comigo, ja eduquei tantasssssssss crianças, ja cuidei de tantas crianças, e agora com o meu, sou essa ameba.... sim uma ameba....

e agora nos fins de semana o davi só quer o pai, não quer q eu chegue perto dele. e vcs estao pensando, q bommmmmmmm, uma folga pra Dani.... nãooooooooooooo

tenho q ficar ali do lado o tempo todoooooooooo,

genteeeeeeee sinceramente , não sei mais nada, canseiiiiiiiiiiiiiii

Para o mundo que eu quero descerrrrrrr

Anonimos por favor não me matem com a faca da cozinha após esse post, nem chamem o conselho tutelar.

beijosssssssssssss, vou ali chorar mais um pouco


ahhhhhhhh a mari mamae do pedro, fez um post sobre o pequeno tirano dela tb , tem dicas ótimassss ja copiei todas  http://mariepe.blogspot.com/

7 comentários:

Cris :-) disse...

Dani querida, dizem que essa fase de se jogar no chão e dar cabeçada passa. Aqui não chegou a acontecer.
Quando eles ficam brabos comigo e tentam chutar ou bater, falo alto sim e se for necessário dou uma palmadinha sim porque para o bem deles eles precisam ter a noção de autoridade.
Imagina se um dia a Luana mexer no fogão e não obedecer o meu comando, ela pode se colocar em risco. Então acho muito importante a criança saber que é preciso parar ao NÃO da mãe.
Difícil? Muito, porque é necessário e cansativo endurecer sem perder a

Cris :-) disse...

ternura.
Acho que o Davi tá testando os limites de vocês, e como não é repreendido ele avança.
Difícil opinar, mas acho que tu vais ter que mostrar sem grito mas olhando nos olhos dele e com firmeza que "a mamãe não quer que o Davi faça assim".
Enfim... isso é papo longo... desculpa o tamanho do comentário.
Bjks.

Gravida e Gata (by Dani Donda) disse...

Dani Dani... te entendo perfeitamente no quesito de o nene querer vc por perto o tempo todo, pq aqui eu passo isso... Tiguim em tudo o que faz, olha pro lado, pra ver se eu estu ali, e se perceber que eu nao estou se joga no chao e grita, chora, esperneia....

eu tb quero muito uma tecnica.. uma ajuda que realmente funciona....
vou acompanhar as respostas e usa-las tb...

Fernanda Reali disse...

Oi, Dani! Obrigada pela visita ao meu blog. Seja sempre bem vinda.

Leia Quem Ama, Educa, do Dr. Içami Tiba. Excelente! Imprescindível para pais, tios, avós e professores.

Eu tenho e releio muito.

Agora acabei de ler Família de Alta Performance. Nota mil.

http://fernandareali.blogspot.com/2010/08/familia-de-alta-performance.html

Por favor, desabilite nas configurações a exigência de verificação de palavras, assim aumentará a quantidade de comentários.

bjs

bjs

Journal de Béatrice disse...

Owww Dani....
Cometar sobre esse assunto renderia um post....Li o link que vc passou antes de comentar e achei bem interessante pois muitas das coisas la ditas eu aplico aqui em casa. Eu converso serio com a Béatrice, fico na alutra dela e a faço olhar nos meus olhos. Semana passada ela começou a subir na mesinha de centro e a bater as perninhas. Eu ia la e a tirava e dizia que isso nao era para fazer, pois tenho medo que ela se machuque. Depois de umas 5 vezes, ela parou. Quando ela é contrariada e começa a bater as perninhas e a chorar, eu a seguro e falo com todas as letras " mamae sabe que Béatrice esta frustrada, que quer fazer isso ou aquilo e a mamae nao deixa". Eu procuro dar os nomes dos sentimentos para que ela se habitue e um dia ela possa falar o que esta sentindo (riava, tristeza, frustraçao). Nossa... Isso é um assunto longo, qdo eu tiver um tempinho vou postar algo la no blog. Tenha paciencia nessa hora Dani, o Davi vai perceber e sentir que a autoridade esta sim em vc, pelo modo com que vc olha, fala e se comporta com ele, principalmente nos momentos de reprovaçoes. Boa sorte ai!! Bjks

Cida Kuntze - compartilhandobencao.blogspot.com disse...

Oi Dani!
Não desanime, busque em Deus forças e tome a rédea da situação. Teu pequeno precisa sim de limites e você como mãe, que está o dia inteiro com ele, deve ser firme.
Minha filha também tentou "por as manguinhas de fora", mas cortei o barato dela. Fui firme, dizia NÃO e não voltava atrás, por mais que ela chorasse. Foi difícil? Foi! Demorou? Sim, mas funcionou. Eles nos testam até o limíte, mas se aguentarmos firmes, eles percebem a autoridade e começam a obedecer.
Tens que sentar e com calma e amor, conversar com teu esposo, para chegarem a um acordo, pois se os dois trabalharem juntos, vai ser mais fácil.

Querida, não é fácil, mas tem solução. Vou estar lembrando de vc nas minhas orações, pra que Deus te ajude e te dê uma direção.

Beijos carinhosos.

Daniela Lopez Garcia disse...

É...
Isso é um assunto bem delicado...
Cada um tem sua forma de educar, fica difícil dar algum palpite nisso, mas acho que vc deve sim, ser muito firme com ele, conversar e não voltar atrás nunca!! Com o tempo isso passa!!
E lá vem o nossso mantra: isso passa, isso passa... rsrsrs
Bjs!!
Dan.

 
Design by Layout para Blog